institucional

Agosto, mês de #somostodoscaturra

Dizem, e nós concordamos, que a profissão na área audiovisual é das mais prazeirosas que existem.

Há quem discorde, mas uma coisa é certa: a nossa profissão escreve as memórias do mundo. Elas podem ser divertidas, emocionantes, desenhadas, documentadas, em forma de texto, jornalismo, cinema, ilustração, gráficos, entrevistas, pesquisa, apuração… Tudo isso forma aquele novelo de avó gostoso de tecer. Vejam alguns frames dos caminhos que percorremos este mês. Clientes novos, outros clientes já recorrentes, e sabem o que virou?? Mistura boa e mineira.

O Mês de Agosto na Caturra Digital Filmes veio cheio de surpresas e desafios de muitos trabalhos realizados por diversas equipes.

 

Obrigada mais uma vez por tudo!

Raquel Alvarez – Produtora Executiva

 

Anúncios
Uncategorized

ACONTECEU NA CATURRA – Setembro

Para aqueles que se divertem e amam o que fazem tanto quanto nós, vejam um pouco dos nossos movimentos profissionais do último mês.

Foi um conjunto de documentários, eventos literários, informativos, programas de TV, e um vídeo experimental que foi selecionado para a Mostra competitiva do Festival do Minuto – Tema Livre.

As crianças também deixaram as suas marquinhas mais gostosas conosco, e o nosso cuidado com elas significa cuidar das sementes futuras do nosso mundo. Já deixamos o nosso Feliz Dia das Crianças!

Veja o último “Aconteceu na Caturra”. Perdeu?? É só assistir aqui. 🙂

Um abraço apertado

Raquel Alvarez – #somostodoscaturra

aconteceu

ACONTECEU NA CATURRA – Fevereiro e Março 2015

Com vocês mais uma compilação dos trabalhos audiovisuais realizados nos meses de Fevereiro e Março. Resultado de muita persistência, talento, visão social, seriedade, e foco nos resultados.

Tivemos a honra de gravar com ilustres artistas, agentes sociais e empreendedores. Gente que provoca e frutifica oportunidades de conhecimento a todos nós. Devemos agradecer às muitas pessoas que estão junto conosco sem nenhum medo de seguir adiante.

A equipe Caturra também merece aplausos.

Abraços a todos e uma ótima semana.
Raquel Alvarez

aconteceu

ACONTECEU NA CATURRA em Setembro, Outubro, e Novembro 2014

Um lembrança da Caturra Digital aos fornecedores e atuais clientes.
Um lembrança da Caturra Digital aos fornecedores e atuais clientes.
O que temos a gritar em alto e bom som: #somostodoscaturra!! Vejam a compilação de alguns trabalhos dos meses de Setembro, Outubro, e Novembro na Caturra Digital.

Nada disso seria possível sem a competência dos profissionais envolvidos. O trabalho é gratificante porque trabalhamos em equipe, com respeito às pessoas, com muito planejamento, e bom humor indispensável. Porque ninguém faz nada sozinho, não é?? Divirtam-se.

documentário

O sonho não acabou – DVD Meninas de Sinhá – Brasil

Foto dovulgação No dia 15/01/2014 foi para o céu a fundadora de um dos grupos sócio-culturais de maior reconhecimento em Belo Horizonte e Minas Gerais, Dona Valdete Cordeiro.

O grupo Meninas de Sinhá vinha de uma trajetória de mais de 20 anos de trabalhos que trouxeram expressivo destaque a este conjunto de senhoras no Brasil que voou até mesmo a outros países da Europa.

A equipe da Caturra Digital vinha realizando um importante trabalho de documentação videográfica do grupo, que incluiu desafiadoras locações como colocar 5 câmeras e microfones espalhados dentro de um ônibus, gravação também com 5 câmeras na praça mais movimentada da capital mineira, hospital, morro, feira das flores, e outros mais.

Vejam um pouco dos bastidores das filmagens.

TRAILER DVD MEINAS DE SINHÁ – 3 MIN from Caturra Digital on Vimeo.

Com o falecimento da maior idealizadora deste DVD no meio do processo, a tão sábia e querida Dona Valdete, o trabalho passa pelo seu maior desafio: o que fazer?

Todos da equipe de produção, músicos, técnicos, integrantes, e diretores, sabem que o sonho da nossa líder, era de que tudo isso fosse até o fim. Pois bem, o DVD/documentário agora contará mais uma história no seu enredo, a história da sua maior estrela que nos deixou.

Agora é hora de silenciar o coração, cantar baixinho aquela cantiga de roda preferida, e construir com a grande competência de todos um filme que o mundo inteiro irá conhecer, traduzido também para o inglês.

Abraços cordiais neste dia com menos brilho.
Raquel Alvarez